Morgan Spurlock, diretor do documentário “This Is Us”, não ficou surpreso com a saída do Zayn Malik do grupo.

Segundo ele, durante o tempo em que acompanhou as viagens da boyband para o filme, era nítido que Zayn era o menos confortável naquela situação. “Ele estava sempre fazendo um esforço para estar na estrada. Ele é caseiro. Ele não queria nada mais do que sentar em sua casa, brincar com spray, desenhar e fazer arte”, disse.

Ao Huffington Post, ele conta que o One Direction se tornou algo muito maior do que qualquer um deles pudesse imaginar. Isso, de certa forma, foi o que o próprio Zayn disse no comunicado oficial anunciando sua saída. “Esse estouro não foi algo que nenhum deles previu, mas acho que Zayn foi quem mais se debateu nessa questão. E estando longe, na estrada, afastado da namorada, eu acho que chegou um momento que ele não aguentou e disse ‘já deu’”.

zayn-malik-confused-photo

Quando o One Direction esteve no Brasil, Zayn Malik pouco deu as caras em público. Ele e Louis ficaram mais tempo trancados em seus quartos. Mesmo quando foi ao Cristo Redentor com o grupo todo, Zayn chamou a atenção dos fãs por seu comportamento reservado. Enquanto Harry, Niall e Liam festejavam com artistas brasileiros, Zayn só interagiu em cima do palco, no show.

Na entrevista que concedeu ao jornal The Sun, Zayn Malik explicou que há muito tempo queria deixar o One Direction e só aguentou mais pelos fãs. “Sinto que decepcionei meus fãs, mas eu não consigo fazer mais isso. É louco, insano, mas ao mesmo tempo eu nunca senti que estava no controle da minha vida e acho que estou fazendo o certo para mim e para os rapazes, então me sinto bem com isso”, afirmou.

Fique ligado no nosso canal do youtube!

DEIXE UMA RESPOSTA