Foto: Divulgação

A cantora Dulce María lançou hoje a canção “Lo Que Ves No Es Lo Que Soy”, parte de seu projeto “Origen”. Com uma melodia dançante e uma letra profunda, a canção é autobiográfica. “Escrevi há muitos anos, há uns 7 anos, estava muito triste, não estava inspirada, estava decepcionada. Parece muito bonito ser famosa e estar em turnês, mas às vezes o que passa dentro do ser humano? “, contou a mexicana em coletiva virtual para jornalistas brasileiros.
Em tempos de vidas aparentemente perfeitas nas redes sociais, a nova música de Dulce vem como um alerta. “As aparências enganam, mesmo que não seja famoso, você vê alguém no Instagram feliz mas não tem ideia do que ela sente e de sua história, o que custou ela chegar até lá. É para refletir e para não irmos com a primeira impressão”.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Dulce Maria (@dulcemaria) em

Dulce explicou que Origen é um projeto que estava há algum tempo guardado, e que são composições de diferentes momentos da vida dela. Esse ano ela já lançou Te Daria Todo e Más Tuya Que Mia em novas versões, além da inédita Tu y Yo. “Aí veio a gravidez, a pandemia, e eu tive que voltar a terminar a série Falsa Identidad e digamos que foram uns meses muito complicados, onde tive que fazer uma pausa. Mas agora que está próximo do nascimento da minha bebê, que é um ciclo diferente, eu tenho vontade de compartilhar com todos meus fãs, sobretudo o vídeo de ‘Lo Que Ves No Es Lo Que Soy’’.
De acordo com a cantora esse não é o disco mais comercial do mundo, mas são canções de todo o coração. “Segue sendo pop, não é tão diferente, mas tem uma influência como folk, músicas que eu gosto e escuto. É um experimento, uma transição e eu quis fazer coisas diferentes. É algo pop, mas com alguns instrumentos que eu nunca tinha incluído nos discos anteriores”.
E por quê lançar esse disco agora? Segundo Dulce Maria, Origen é um divisor de águas. “Completo 30 anos de carreira, vou fazer aniversário, vem a minha bebê e muitas mudanças. Pra mim era importante já sair esse projeto, estava pronto há dois anos e decidi agora porque não tenho que gravar mais nada, estava esperando para ser compartilhado com vocês”.
A música também terá um clipe, em que as duas sobrinhas da cantora participaram. “Foi muito bonito, porque de alguma forma elas me interpretam. Clara está feliz e quer se ver no vídeo, Alessia era muito bebe e estava doente no dia, mas foi muito bem. Quero que vejam o vídeo para que entendam do que estou falando”.

Tributo ao RBD

Claro que Dulce não podia deixar de responder à pergunta sobre sua ausência no Tributo ao RBD que será feito. Ela e Poncho Herrera não estarão presentes na live musical ‘Ser o Parecer’ que será transmitida em 26 de dezembro. “É algo muito difícil para mim e para os fãs, porque levamos muito tempo… Se passaram 12 anos do término do grupo, e de alguma forma essa geração rebelde esperou o reencontro desde o primeiro dia. Todos sabem como é importante para mim e que em qualquer outro momento desses 12 anos eu teria estado, feliz da vida. Inclusive daqui um ano”.
A mexicana explicou das dificuldades que está vivendo agora com uma gravidez na pandemia e como isso a impediu de estar no reencontro. “É um dia de show, mas são várias coisas de trabalho. Para mim é complicado nesse momento estar grávida, é algo muito desgastante para uma mulher, estar sozinha em uma pandemia, até ir ao médico em consulta é horrível, tem que colocar máscara, tem o medo do vírus, não pode ver seus amigos e sua família, você entra em depressão vendo tantas coisas más no mundo, é muito desafiador pra mim, tenho que me cuidar muito na questão da saúde. E saúde não é só física, mas também emocional”.
Ela explicou que deram como limite de data até março para ela participar do projeto. “Estarei em pós-parto, em uma pandemia onde não posso contratar babás para minha bebê, porque nem sei como estarei, não sei o que é ser mãe, é um momento muito complicado. Não é que não quero estar, realmente não posso, vai além de mim. Depois de 30 anos de carreira, de sacrificar algumas coisas, eu não perdoaria se eu não estivesse 100% focada na minha saúde e na saúde da bebê”.

Futuro
Perguntada sobre os próximos passos na carreira, Dulce foi incerta. “Como nunca fui mamãe não sei quanto tempo leva para se recuperar, e cada mulher leva um tempo. Em outro momento que não estivermos na pandemia poderei contratar alguém que me ajude. Realmente se transformam muitas coisas por dentro, serei outra mulher, não sei como será minha vida. Mas o que sei é que não quero me afastar por completo. Ainda tenho sonhos, no momento é lançar Origen e que saia tudo bem no nascimento da minha bebê e que eu possa ser a melhor mamãe”, completou.

TeenBR na sua Timeline!

Facebook | Instagram

Fique ligado em nosso canal no YouTube!

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA