Justin BieberA crise judicial na vida de Justin Bieber parece não ter fim. Entre acusações pessoais e infrações federais, o cantor canadense parece não deixar a sala de tribunal.

Agora, Justin é processado por um fotógrafo nos Estados Unidos. A acusação? O fotógrafo Manuel Munoz alega que o cantor instruiu seu segurança, Dwayne Patterson, a pressioná-lo, com uso de violência, a deletar fotos de Justin Bieber saindo de um restaurante no dia que o canadense foi pego por dirigir alcoolizado.

Leia também: Adele e One Direction na lista dos mais ricos do Reino Unido

Segundo Manuel, em seu processo, Dwayne o enclausurou dentro do restaurante o colocou contra a parede e exigiu que as fotos de Justin fossem deletadas. Manuel ainda afirma que o segurança tentou, a força, retirar o cartão de memória da câmera, danificando a máquina, e então o socou e o chutou.

O processo de Manuel Munoz é contra Justin Bieber e seu segurança por danos não especificados.

Justin Bieber retornará ao tribunal no dia 7 de julho para responder às acusações.

Fique ligado no nosso canal do youtube!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA